Qualidade de vida

Sorvete – Uma delícia que é paixão mundial

qualid-710x451

Frio, calor, chuva ou sol, independente das temperaturas, o sorvete é uma das iguarias mais apreciadas no mundo. Apesar de paixão mundial, a delícia gelada é comemora em um único dia no ano, 23 de setembro. Com o passar dos tempos a receita foi se reinventando e poderíamos passar os 365 dias, ao longo de um ano todo, experimentando sabores novos da sobremesa, passeando pelo clássico creme até chegar aos mais exóticos, como o de bacon.
Segundo historiadores o sorvete surgiu na China há mais de 4 mil anos, com uma base feita de neve, mel, frutas e gema de ovo. Porém, foi na Itália que o doce se popularizou, com o famoso gelato, onde uma calda gelada foi acrescida de leite e passou a ser produzida em uma máquina chamada de mantecadora (do italiano mantecare, que significa bater ou misturar).
Na Itália, o gelato não é considerado uma sobremesa, mas um produto completo para a alimentação, já que contém proteínas, açúcares e leite, sendo consumido até no café da manhã. O gelato é tão popular e levado a sério pelos italianos, que na Bolonha, foi criada a Universidade do Gelato, fundada pela principal fabricante de maquinário para gelateria, a Carpigiani.
Mas, segundo a Unilever, são os neozelandeses que estão no topo do ranking entre os que mais consomem o produto, com 24 litros por pessoa de sorvete por ano. Na Itália o consumo fica com 18 litros e no Brasil com aproximadamente 6 litros.
Segundo a nutricionista Maila Torteli, o sorvete em sua fórmula permite que sejam acrescentados diversos ingredientes para obter sabores e texturas variadas conforme a receita, inclusive naturais. “O sorvete é feito a partir da mistura de água ou leite, açúcar, gordura, suco ou aroma de frutas, emulsificante, espessante e aditivos, possuindo diferentes técnicas de fabricação. Do ponto de vista nutricional, o sorvete pode ser considerado um alimento nutritivo, pois sua fórmula possui proteína, açúcar, gordura vegetal ou animal, cálcio, fósforo, vitaminas A, B1, B2, B6, C, D, K e outros minerais que fazem bem à saúde”, explica.
Se você gosta tanto da sobremesa e se pudesse, principalmente no calor com as temperaturas subindo, se deliciaria com o doce todos os dias, Maila ensina a fazer uma receita caseira para comer sem culpa e se refrescar. “O frozen de frutas é uma ótima opção para os dias de calor e é super fácil de ser feito. Basta bater a fruta de sua preferência com água e congelar a mistura em cubos ou em uma forma. Após congelado raspe com um garfo e aproveite de uma deliciosa raspadinha de frutas”, ensina a nutricionista.
Você sabia?
Sabores exóticos estão se popularizando, o de bacon é uma realidade nos Estados Unidos, ele foi inventando por David Lebovitz, que pensou no sabor do doce, olhando o típico café da manhã americano, com ovos e bacon. Além disso, existem receitas com batata, cenoura, salada, guacamole e até foie gras, um prato francês feito de fígado de pato ou ganso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *