Qualidade de vida

Não fique parado: exercite-se em casa!

Em tempos que ficar em casa virou sinônimo de cuidar da saúde, a rotina da maioria das pessoas mudou, precisando adaptar o estilo de trabalho, os cuidados com os filhos e a casa e até a rotina de exercícios físicos. Manter-se ativo é fundamental neste período, pois quando se pratica atividades físicas, corpo e mente permanecem saudáveis, com bom condicionamento e disposição.

Pensando em ajudar você a criar o hábito de praticar exercícios em casa, conversamos com os professores das atividades físicas do Veran, Silas da Conceição de Lima, Ivison da Silva Oliveira e Mayumi Sekito Uchikawa, para trazer dicas simples e fáceis de serem executadas.

“A Organização Mundial da Saúde (OMS), orienta que a prática diária de 30 minutos de atividades físicas afasta o surgimento de algumas doenças crônicas, e é durante o exercício que o corpo libera hormônios que melhoram nosso sistema imunológico”, orienta o professor da loja 10, Silas.

Se você está sedentário, o ideal é começar com as atividades aos poucos, para que o corpo se acostume com sua nova realidade e você não se machuque, “para iniciar uma atividade podemos pensar em exercícios que contemplem o corpo todo, utilizando braços, pernas e tronco, como pular corda, agachamento na cadeira, abdominal e polichinelo. Nos primeiros dias faça apenas uma sequência de repetições e depois vá aumentando progressivamente nos dias seguintes, acrescentando uma ou duas repetições a cada exercício. Prestar atenção na execução e não fazer os movimentos rápidos demais são essenciais para evitar lesões”, explica Ivison.

Use sua criatividade

Se você acha que é preciso ter pesos e equipamentos profissionais para se exercitar em casa, está enganado. “Neste momento devemos abusar da criatividade para iniciar os treinos em casa e improvisar com o que se tem à mão. Para atividades com pesos, pode-se usar garrafas PET cheias de água ou areia, pacotes de alimento, cadeiras e até mesmo os filhos, o que pode ser um momento de diversão e interação em família”, indica Silas.

Para colocar um pouco mais de saúde no seu dia a dia você pode fazer exercícios simples, como subir escadas, pular corda, fazer agachamento com uma cadeira, repetindo o movimento de sentar e levantar devagar, flexão de braço no solo, abdominal, correr pelo quintal ou até no mesmo lugar, fazendo o movimento de corrida sem sair do lugar, como se estivesse marchando, orienta o professor Ivison.

Cuide da mente

Para a professora Mayumi Sekito Uchikawa, que ministra aulas de ginástica rítmica do Radio Taisso na loja 14, é importante não descuidar da mente neste momento, principalmente para os mais idosos, que não devem sair de casa com a frequência a que estavam acostumados. Para esse público, Mayumi indica atividades simples e sem prejuízo à saúde, como arrumar gavetas, ler um livro, escutar música, fazer tricô e crochê, conversar ao telefone com os amigos e a família, e até cozinhar.

Atividades domésticas também ajudam na queima calórica

Você sabia que um ótimo jeito de melhorar seu gasto calórico e de se manter ativo é com atividades domésticas? Isso mesmo, aquelas atividades de que nem todo mundo é fã podem ser uma ótima saída para se movimentar e ainda deixar a casa limpinha. Veja alguns exemplos:

Limpar a casa – 300 calorias/hora

Varrer a casa – 180 calorias/hora

Lavar louças – 60 calorias/hora

Passar roupa – 170 calorias/hora

Cozinhar – 168 calorias/hora

Ficar em pé – 130 calorias/hora Arrumar o guarda-roupas – 150 calorias/hora

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *